Entenda as 4 principais diferenças entre consulta Serasa e SPC


Compartilhe com os amigosShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
 

Entenda as 4 principais diferenças entre consulta Serasa e SPC

Na hora de realizar uma venda a prazo, muitos comerciantes e donos de negócios ficam na dúvida de qual instituição procurar para verificar a possível inadimplência de determinado cliente: o Serasa ou o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC)?

As duas opções fornecem dados, a partir de uma consulta pelo CPF do cliente, sobre a falta de pagamento de dívidas de todos os brasileiros. Mas quando devemos procurar uma ou outra?

No post de hoje, vamos falar um pouco das principais diferenças entre essas duas instituições, para te guiar na hora de consultar o nome dos seus clientes.

1. Fundação

O Serasa foi criado como uma parceria entre a Associação dos Bancos do Estado de São Paulo e a Federação Brasileira das Associações de Bancos. Posteriormente, o Serasa foi vendido ao grupo Experien, da Irlanda, passando a se chamar Serasa Experien.

Já o SPC foi fundado por um grupo de doze empresas para trocar informações entre elas sobre quem eram os bons e os maus pagadores. Atualmente, a instituição é financiada pelas associações comerciais brasileiras, por meio da Câmara de Dirigentes Lojistas, conhecida como CDL.

2. Banco de dados

O banco de dados do SPC é fomentado pelas empresas credenciadas ao CDL ou às associações comerciais municipais, enquanto o Serasa Experien recebe a maior parte das informações dos CPFs inadimplentes dos bancos e das instituições financeiras.

3. Informações fornecidas

A maior diferença entre as duas instituições está aqui. Devido às suas fundações distintas e à diferença na origem do banco de dados de cada uma, o comerciante que deseja consultar a situação de seus clientes deverá determinar qual dos dois procurar dependendo do tipo de informação que estiver buscando.

O Serasa Experien está ligado a serviços financeiros e, portanto, vai fornecer informações sobre pessoas que possuem dívidas junto a bancos e instituições financeiras, como cheques sem fundos, dívidas com cartão de crédito ou financiamento em atraso.

Já o SPC, que é administrado diretamente pela CDL, fornecerá informações sobre consumidores em dívida no comércio em geral, incluindo também dívidas com empresas distribuidoras de água ou de energia.

4. Valores Consulta

Tanto uma quanto a outra vendem os dados às pessoas jurídicas fornecendo, geralmente, além da situação de crédito do CPF em questão, informações sobre endereço, data de nascimento, nome da mãe e contatos.

O Serasa oferece planos de monitoramento dos seus clientes, enquanto o SPC oferece certificação digital, SPC Avisa e análise de crédito.

Quem está inadimplente, terá seu nome registrado no banco de dados dessas instituições por um período de 5 anos ou até a dívida ser quitada. Após esse prazo, o nome é retirado e o CPF só continuará “sujo” caso a pessoa contraia novas dívidas.

Algumas empresas realizam o serviço de terceirização dessas consultas cadastrais, realizando a consulta junto ao SPC ou ao Serasa e revendendo a informação a outras empresas ou, até mesmo, a clientes finais.

Para escolher melhor entre uma consulta Serasa ou SPC, você deverá avaliar que tipo de informação busca do cliente em questão.

E você, já realizou uma consulta junto a alguma dessas instituições? Comente e nos conte um pouco mais da sua experiência!

diferença entre spc e serasa

consulta spc

Compartilhe com os amigosShare on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterEmail this to someone
Post Tags:

Existem 1 Comentário On This Article.

Deixe uma resposta